Home
  • Facebook
  • Instagram
Logo ASAE
Logo MinEconomia
banner de topo

O Cliente Particular no Laboratório de Segurança Alimentar da ASAE

Acreditando que contribuir para a melhoria da qualidade dos alimentos presentes no mercado é também serviço público, o LSA desenvolve a sua atividade analítica satisfazendo as necessidades dos seus clientes externos (públicos e outros) na caracterização dos produtos que submetem a análise. Apresentam-se seguidamente, os dados da atividade do LSA nos últimos 7 anos no campo dos clientes particulares e respetiva interpretação.


1. Evolução do número de amostras analisadas por solicitação de Clientes Particulares

O quantitativo percentual de amostras analisadas entre 2014 e 2020 correspondentes a solicitações de clientes particulares foi o seguinte:


O Cliente Particular no Laboratório de Segurança Alimentar da ASAE

A análise destes dados evidencia uma subida sustentada dos valores percentuais e absolutos nos últimos 4 anos, já que 2020 foi um ano com características peculiares.

2. Quem são os Clientes Particulares do LSA

A estrutura da carteira de clientes particulares do LSA tem mantido ao longo do tempo alguma constância, sendo que na sua maioria este grupo de clientes é constituído por operadores económicos do setor das bebidas alcoólicas, em que o setor vitivinícola tem sido predominante e igualmente do setor do azeite, sendo o remanescente constituído por uma associação de consumidores e por outros operadores económicos de áreas de atividade diversas como sejam os laticínios ou o sal.

Salienta-se ainda que se encontram neste grupo vários clientes com origem internacional, todos do setor do azeite, que em 2020 foram oriundos da Finlândia, Espanha, Itália e Holanda.

Quanto à finalidade das análises solicitadas pelos clientes particulares, esta divide-se em dois tipos: relativamente ao setor do azeite, os clientes enviam amostras para análise no âmbito do controlo de qualidade prévio ao engarrafamento, enquanto que as análises solicitadas pelo setor das bebidas alcoólicas, são na sua maioria, para suporte à exportação. Os tipos de análises solicitadas incidem nas áreas físico-química e sensorial.

No gráfico seguinte encontram-se os valores absolutos de amostras de cliente particular entregues entre 2014 e 2020 por grande grupo de tipo de amostra.

Da interpretação destes dados torna-se evidente a predominância do grupo das bebidas alcoólicas e afins, com tendência de subida desde 2017 (2019 com mais 13,4% que 2016) apenas contrariada em 2020 com menos 14,5%. As variações referidas parecem dever-se a flutuações nas exportações.

Relativamente às amostras do grupo dos azeites, verifica-se uma subida acentuada, já que, em 2020 se constata um incremento de 156,7% relativamente a 2014, sendo que em 2019 já se tinha registado um aumento de 112,2% relativamente a 2018. Este aumento é fruto da consolidação do LSA como único laboratório oficial acreditado para análises sensoriais e físico-químicas de azeite.


O Cliente Particular no Laboratório de Segurança Alimentar da ASAE


3. Evolução do Número de Cientes Particulares

A figura seguinte exibe a evolução do número de clientes particulares que recorre aos serviços do LSA.


O Cliente Particular no Laboratório de Segurança Alimentar da ASAE

Este indicador apresenta um pico em 2017, contudo o valor de 2020 é da ordem dos valores observados entre 2014 e 2016 o que parece indicar alguma constância global.


4. Dados de receita obtida em prestação de serviços para clientes particulares

Os valores provenientes deste tipo de receita atingiram nos últimos 5 anos montantes sempre superiores a 70 000€, com uma média de sensivelmente 94 000€, evidenciando que este tipo de receita constitui a maior fonte de receita do LSA.


5. Considerações finais

Os dados expressos neste documento dão vincada nota da relevância dos clientes particulares nas atividades do LSA em variadas vertentes, a saber:

  • Nº de amostras analisadas- cerca de 20%.
  • Nº de clientes que recorrem aos serviços – superior a uma centena.
  • Setores económicos de que são oriundos com elevada importância económica – vitivinícola e azeite.
  • Apoio à exportação – setor vitivinícola.
  • Importância no controlo de qualidade interno dos OE – setor do azeite.
  • Receita considerável.

Nesta conformidade, o LSA pretende consolidar esta vertente com a tentativa de captação de outros clientes, através do estabelecimento de protocolos com preços mais favoráveis desde que o volume de amostras a analisar o justifique, encurtamento dos prazos de resposta e atenção redobrada às necessidades analíticas deste grupo de clientes.




ASAEnews nº 123 - julho 2021

  • COVID-19 ASAE
  • Denúncias  / Denúncias COVID-19
  • Processos de Contraordenação
  • Livro de Reclamações
  • Reg 765 + Medidas Restritivas
  • Asae Topics in Other Languages
  • Não paramos. Estamos ON!
  • PROJETOS COMPETE 2020
  • BCFT
  • Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA)
  • EEPLIANT 2
66